DE SAL E COMO USÁ-LOS

6 TIPOS

Sal é um tempero quase obrigatório na maioria das receitas do dia a dia: bem utilizado, ele realça o sabor dos pratos e os deixa ainda mais gostosos.

Sal

Tem granulometria menor do que o sal grosso e salga de maneira uniforme. É indicado para peças de carne mais grossas, pois evita que a carne perca muito líquido. Pode ser utilizado na carne antes de ir para a grelha e também depois de pronta.

1. Sal de parrilla

Se você é atleta ou sofre constantemente com cãibras, saiba que o repolho pode ser seu maior aliado. Ele é rico em aminoácidos que ajudam a diminuir as dores que são causadas por inflamações.

2. Sal grosso

É o famoso sal de cozinha, passa por um processo de lavagem, moagem, centrifugação, secagem e peneiração. Depois, alguns compostos são adicionados para dar coloração e evitar que ele fique úmido.

3. Sal refinado

O iodato de potássio também é adicionado, pois isso é lei no Brasil. No churrasco, deve ser colocado na carne já pronta e com moderação, pois ele é absorvido muito rápido e pode deixar a carne muito salgada.

3. Sal refinado

De origem vulcânica, extraído das montanhas do Himalaia, tem grãos grossos e cinza-rosado. Não é refinado, tem cloreto de sódio, ferro e compostos de enxofre, por isso, tem sabor marcante. Combina com carnes vermelhas, principalmente com as de sabor mais suave.

4. Sal negro

De produção artesanal originária da França, são os primeiros cristais de sal que se formam na superfície das salinas. Os cristais não passam por refinamento e nem recebem aditivos, por isso, têm alta concentração de elementos como zinco,

5. Flor de sal

Ela deve ser utilizada na finalização dos pratos e dá mais sabor a eles; por isso, no churrasco, coloque-a na carne já na pronta.

5. Flor de sal

Ele é extraído manualmente na região do Himalaia, tem mais de 80 minerais e seus cristais têm um tom rosado. Não sofre nenhum processamento. Ele deve ser usado na carne já pronta.

6. Sal rosa do himalaia

completa

no blog!

Veja a matéria

Clique aqui e veja mais